• CECAT

O que é Cultura do Cancelamento e qual a visão bíblica a respeito do assunto?



Atualmente, um dos assuntos mais comentados na internet (principalmente nas redes sociais) é a “cultura do cancelamento”. Esse termo foi considerado o de maior destaque em 2019 pelo dicionário Macquarie devido à disseminação ocorrida nas redes sociais pelo mundo. Embora o movimento tenha iniciado em 2017 em Hollywood na mesma época do surgimento do movimento #Me Too, o novo termo definitivamente decolou e começou a aparecer com mais força.


No dicionário, a palavra "cancelar" quer dizer "eliminar ou riscar para tornar sem efeito". É exatamente isso que a cultura do cancelamento propõe, ou seja, é uma prática de cancelar, condenar, linchar uma pessoa dentro do ambiente virtual. Basta que, uma pessoa seja pública (ou não, algumas pessoas comuns tem sua imagem "viralizada" na internet após serem filmadas fazendo algo inaceitável), exemplo: influenciadores digitais, artistas, marcas, personalidades públicas de modo geral, acabam sendo as principais vítimas pelo fato de falarem algo inaceitável, ou após ter um comportamento inadequado (politicamente incorreto), tornam-se alvo de todo tipo de ofensa, julgamento, linchamento, destruição da honra e da moral. A lógica é, se a pessoa errou, então não deve ser mais seguida ou ouvida.

É importante olhar para a humanidade e perceber, como nós seres humanos, temos dificuldades nos relacionamentos. Nas relações interpessoais há muitos desconfortos, conflitos, decepções, frustrações, tensões, entre outras dificuldades. Facilmente somos levados a criticar, ofender e julgar as pessoas, como se fossemos perfeitos, ou seja, como se não fossemos igualmente errantes.


Mas o que podemos aprender com a Bíblia a respeito dessa questão?


  • A Bíblia nos ensina a olhar para nós mesmos, e não julgar os outros. Em Lucas 6:37-38 diz: "Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados; perdoais e serão perdoados; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também".


  • No evangelho de João 8: 7 Jesus diz: "Aquele que dentre vós estiverdes sem pecado seja o primeiro a tirar a pedra (esse texto diz a respeito da mulher adúltera). Em João 8:11 "Nem eu te condeno, vai e não peques mais".


  • Em Gn 1:26, Deus diz: "Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança". Quando ofendemos, denegrimos a imagem do outro estamos desonrando a Deus, pois Ele nos formou e nos criou a Sua imagem e semelhança.


  • Mt 22:39 diz: "Amarás o teu próximo como a ti mesmo". Amar implica se colocar no lugar do outro, ter misericórdia, compaixão, ter disposição em perdoar. Não devemos tratar as pessoas como elas merecem ser tratadas (à nossa maneira de julgar), mas, como Deus nos ensina, amando as pessoas e dando a elas o mesmo tratamento que gostaríamos de receber.



Houve um homem que não tinha pecados, (sofreu, suportou toda vergonha, humilhação e foi crucificado). No momento de seu "cancelamento", disse: ”Pai perdoa-lhes, pois não sabem o que fazem(Lucas 23:24), morrendo em seguida. Esse homem é Jesus, devemos seguir o seu exemplo.





20 visualizações
Centro Educacional Cristão Antenor Thomazi

COLÉGIO CRISTÃO ANTENOR THOMAZI - Educação Básica

contato@athomazi.com.br

Tel: 15 3243-2299 | 3247-2084

Whatsapp: 15 98118-0048

BETTER - Cursos

Profissionalizantes

contato@bettercursos.com.br

Tel: 15 3019-7926

Whatsapp: 15 99675-4421

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Segunda - Sexta: das 7h -18h

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Segunda - Sexta: 8h - 21h

Sábado: das 8h - 17h

Copyright ©2017 direitos reservados. Desenvolvido por BUL COMUNICAÇÃO.

REDES SOCIAIS

  • Facebook CECAT
  • Instagram CECAT
  • YouTube CECAT

ENDEREÇO

Av. São João, 647 - Jd. Icatu - Votorantim / SP